Posições

Não é segredo minha opinião sobre Boslonaro e sua família. Nunca escondi meu desapontamento que vem desde que seu nome começou a crescer nas pesquisas eleitorais. E esse descontentamento não é com ele. Sei desde sempre que se trata de um psicopata da pior espécie.

Minha frustração vem de perceber como a moral das pessoas é fraca e/ou mal construída. Mesmo entre pessoas à minha volta, algumas até providas de sensibilidade.

Mas digo a elas e peço, não como forma de vingança: reflitam. Melhorem. Você que apertou 17 na urna em 2018 cometeu um erro horroroso. Não se martire de culpa, mas utilize-a para aprender.

Você votou em uma pessoa incompetente. Mas ela não te enganou sobre isso. Foram 28 anos no congresso sem fazer nada além de votar por quem pagasse mais e se fazer notar através de polêmicas absurdas e discursos nojentos (desculpe, não tenho outra forma de expressar).

Você votou em uma pessoa que disse a uma deputada: ” Não te estupraria, porque você não merce”. Você tem obrigação moral de entender a gravidade dessa frase e se revoltar. Obrigação!

Você votou em alguém que, na hora de seu voto contra Dilma, homenageou o homem que covardemente a torturou nos porões da ditadura militar. Mais uma vez, você tem obrigação moral de se revoltar.

Você votou em um candidato que fugiu dos debates e que não tinha plano de governo. Eu li. Não havia nada ali.

Você votou em um candidato que assumiu não entender nada de nada, mas que dizia que colocaria pessoas competentes (mais tarde, em plena pandemia, por motivos sórdidos, ele demitiria o único ministro que realmente lutava contra a doença).

Você votou em alguém que dizia que a solução para a violência seria armar a população para que ela mesmo se defendesse. Transformar o país numa espécie de faroeste italiano.

Você votou em um sujeito que escancarou o absurdo que eram suas reuniões ministeriais. Ali, ele mostrou suas prioridades: proteger os filhos. Os ministros defenderam abertamente usar a distração da mídia com a pandemia para passar leis destrutivas.

Você votou em um governo que bateu recorde de destruição do ecossistema. Nunca se destruiu tanto.

Você votou num sujeito assumidamente homofóbico, misógino, racista. Tudo isso está documentado em suas próprias palavras.

Você votou num cara que nega a gravidade da Covid e que não fez absolutamente nada para garantir sua vacinação. E isso é trabalho dele! Você acredita na conversa mole de que ele foi impedido de agir pelo STF? O que os juízes fizeram foi nos salvar da incompetência de um lunático, que queria impedir a única forma que tinhamos para co trolar o avanço da doença: o isolamento. O mundo mostrou que era possivel passar por ele sem destruir completamente a economia. O cara em quem você votou por pouco não libera nem a miséria de uma assistência de 600 reais. Foi o congresso que empurrou isso para ele.

Você votou em um cara inapto, incompetente, limítrofe, mentiroso compulsivo, covarde e vagabundo. Isso sem mencionar suas ligações evidentes com milícias, assassinos e ladrões.

Você cometeu um erro grave.

E não adianta dizer que a opção era pior (no segundo turno). Do outro lado, por mais erros que tivesse cometido, por mais suspeito que fosse seu partido, havia um professor universitário, que já havia administrado a maior cidade do país (outra vez, mesmo considerando os erros que cometeu durante essa administração), que já havia sido investigado e devidamente inocentado. Então, sim… Você escolheu errado!

Hoje, no final de 2020, depois de dois ministros da saúde perdidos, com um general que se diz perito em logística, mas que deixou estragar milhares de testes e não conseguiu nem preparar seringas, o mundo já está sendo vacinado, já dislumbra um horizonte mais brilhante, e estamos no Brasil esperando a boa vontade de um psicopata que diz, com a maior cara-de-pau, que os laboratórios é que têm que procurá-lo para vender seu produto. Um produto que o mundo todo se mobilizou para comprar. Um despresidente que se diz liberal e capitalista e ignora os conceitos básicos do capitalismo, a oferta vs procura.

Estamos à deriva, abandonados nas mãos de um psicopata. Você tem, agora, obrigação moral de perceber isso. E tem obrigação, sim, se ainda resta decência, de levantar sua voz para que esse governo caia. Desculpe, mas se

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s